Home

Festival Internacional de Jardins

altA 30 de outubro último, Ponte de Lima foi o destino de viagem dos alunos do 7°ano, turma C, do Agrupamento de Escolas do Concelho de Caminha. Palavrinha

Sob a orientação pedagógica das docentes Rosa Duarte e Helena Gama, estes alunos apreciaram o Festival Internacional de Jardins que esta Vila do Alto Minho oferece há já quinze anos.
Sempre muito apreciados e concorridos, os jardins deste festival respeitam, a cada ano, um tema. Nesta décima quinta edição o tema escolhido foi "Jardins do Fim do Mundo" e integrou doze jardins: Jardim da Amizada, Jardim de Microclimas, Paraíso Esquecido, Atrás da Reflexão, Mirabilia, Utopia Metamorfose Distopia Utopia, Astrolabium, Antiquum Et Aeternum, Jardim vertigem (Ir)reversível, Fim do Mundo, Princípio de Tudo, Jardim de Ilusões e Jardim Sem Fim.
Os alunos do Agrupamento de Escolas do Concelho de Caminha percorreram estes espaços de manifestação de land art e arte efémera onde a preocupação com as alterações climáticas pontuaram artisticamente.
As coincidências geraram oportunidades únicas no jardim â??Vertigem (ir)reversívelâ?, com os alunos a encontrarem os artistas criadores desta obra, tendo deles ouvido as melhores explicações.
Deste encontro inesperado ficou ainda a partilha de uma aplicação para os smartphones dos alunos para assim darem continuidade à exploração e apreciação deste festival.
Previamente planificada e perseguindo fins pedagógicos, esta visita foi motor de aprendizagens e ponto de partida para articular o trabalho dos alunos num espaço alargado de domínios de saber.
JCR | GabCom
A 30 de outubro último, Ponte de Lima foi o destino de viagem dos alunos do 7°ano, turma C, do Agrupamento de Escolas do Concelho de Caminha. Sob a orientação pedagógica das docentes Rosa Duarte e Helena Gama, estes alunos apreciaram o Festival Internacional de Jardins que esta Vila do Alto Minho oferece há já quinze anos.
Sempre muito apreciados e concorridos, os jardins deste festival respeitam, a cada ano, um tema. Nesta décima quinta edição o tema escolhido foi "Jardins do Fim do Mundo" e integrou doze jardins: Jardim da Amizada, Jardim de Microclimas, Paraíso Esquecido, Atrás da Reflexão, Mirabilia, Utopia Metamorfose Distopia Utopia, Astrolabium, Antiquum Et Aeternum, Jardim vertigem (Ir)reversível, Fim do Mundo, Princípio de Tudo, Jardim de Ilusões e Jardim Sem Fim.
Os alunos do Agrupamento de Escolas do Concelho de Caminha percorreram estes espaços de manifestação de land art e arte efémera onde a preocupação com as alterações climáticas pontuaram artisticamente.
As coincidências geraram oportunidades únicas no jardim â??Vertigem (ir)reversívelâ?, com os alunos a encontrarem os artistas criadores desta obra, tendo deles ouvido as melhores explicações.
Deste encontro inesperado ficou ainda a partilha de uma aplicação para os smartphones dos alunos para assim darem continuidade à exploração e apreciação deste festival.
Previamente planificada e perseguindo fins pedagógicos, esta visita foi motor de aprendizagens e ponto de partida para articular o trabalho dos alunos num espaço alargado de domínios de saber.
JCR | GabCom
 

 
Visualizações de conteúdos : 2188815
Kendall Lamm Jersey